Você sabia que o vinho é a bebida mais querida do mundo?

Um brinde à vida! Os apreciadores dessa querida bebida sempre acham uma oportunidade para abrir uma boa garrafa, não é mesmo? Seja para apreciar no dia a dia, um jantar, ou até mesmo para celebrar uma data importante. 

Comprovado por estudos científicos o vinho proporciona inúmeros benefícios à saúde graças a substâncias presentes na bebida! 

Uma taça diária pode ter efeito positivo para quem sofre de problemas circulatórios, como varizes, infarto ou derrame, por exemplo. 

Sabemos que para quem gosta de tomar o vinho mas não se considera especialista, não é tão simples entender sobre o assunto. O que pode gerar diversas dúvidas: variedades de uva, tipos de vinho, regiões, safras, classificações, temperaturas ideais.

Mas o Barbosa Supermercados preparou para você algumas dicas para te ajudar a entender um pouco mais sobre essa bebida. 

Enquanto você lê todas essas dicas, você também pode ir comprando um vinho e receber no conforto do seu lar: Barbosa Online

Rótulos, como entender?

Nos rótulos é onde está localizado todas as informações sobre aquele produto, como as safras, a uva, harmonização, coloração, classe … Mas em especial há uma informação sobre o teor de açúcar presente na bebida, que são denominados de:

Seco (quase sem açúcar),
Demi-sec (pouco açúcar),
Suave (bastante açúcar). 

Fique atento a essas classificações!           

Variedades das uvas

É um universo imenso de possibilidades quando o assunto é esse, pois existem diversos tipos de uvas (em torno de 8 mil). Mas as mais populares são: 

Merlot: Peso médio, frutado e com toque vegetal. O aroma dessa uva lembra o de um pimentão verde. Pode-se harmonizar com diversos pratos: queijos, carnes brancas como frango, massas e molhos de tomates, molhos picantes, molhos de carne, como por exemplo, a bolonhesa.

Pinot noir: Considerado a mais elegante de todas as uvas, apresentam aromas de frutas vermelhas frescas, amora, cereja, framboesa, flores, ervas e especiarias. Combina muito bem com pratos da comida francesa, como presunto cozido, coelho com mostarda, também acompanha pratos simples, como vegetais cozidos, risotos, carne assada, atum ou salmão.

Cabernet Sauvignon: Seus aromas mais comuns são cereja-negra, cassis, especiarias e cedro. É uma uva muito versátil que combina com diversas pratos: tábua de frios e petiscos apimentados, copa, salame e castanhas temperadas, bruschettas com tomates frescos e azeite de oliva, assim como risotos com massas avermelhadas. 

Temperatura exata

A temperatura do vinho influencia diretamente no sabor, pois quanto mais quente ele está mais o gosto do álcool e do açúcar serão realçados. Cada vinho tem uma temperatura ideal para que suas características sejam destacadas. Na falta de uma adega climatizada, você pode manter na geladeira por pelo menos uma hora se o vinho for for branco, agora se for tinto pelo menos por 30 minutos. Se você não bebeu a garrafa inteira, não esqueça de fechar com a rolha! 

Quando o assunto é vinho sempre será um mundo cheio de termos, regras, preços, safras, ou idade da bebida. Mas confie no seu gosto! A melhor opção sempre é explorar, experimentar e aproveitar as diversas opções que existem, deixe fluir e assim você saberá qual lhe agrada mais. 

Gostou das dicas? Confira então nosso artigo com diversas sugestões de combinações de vinhos com pratos para não errar na harmonização.