Churrasco no fim de semana. Carvão em brasa, espetos a postos e sal grosso na picanha. Mas, ao fatiar e provar a carne vem a sensação de que ela não está tão boa assim.

Não se preocupe! Com essas dicas seu churrasco vai ficar excelente e você só vai receber elogios.

1) Para acender o fogo, use sempre álcool em gel. Evite produtos que gerem combustão e que sejam perigosos;

2) Comece a grelhar a carne na parte da churrasqueira onde houver chamas maiores, tostando de todos os lados para selar. Depois, na parte do braseiro menos intenso, asse a peça até chegar ao ponto desejado.

3) Para a picanha, quanto mais simples a receita, mais sabor e originalidade. Retire o excesso do sal grosso batendo na carne com um faca antes de colocá-la na grelha.

4) A gordura, principalmente no caso da picanha, deve ficar virada para cima. Só no final, quando a carne estiver assada como desejado, é que a gordura deve ser virada para baixo para derreter.

5) Para descobrir o ponto da carne sem cortá-la, pressione-a com as costas de um garfo. Regra geral: quanto mais macia a carne estiver, menos passada; quanto mais firme, mais passada.

6) Verifique as brasas e acrescente mais carvão quando notar que elas estão ficando acinzentadas e apagando. Tome cuidado também para que não pingue gordura na brasa. Isso causa uma labareda que pode queimar as carnes que estiverem assando.

7) Para apagar o fogo de vez, use as cinzas do churrasco anterior. Jogue-as em cima das brasas e aguarde até que o fogo acabe. Por isso, lembre-se sempre de reservar as cinzas do último churrasco para apagar o próximo.

8) Para reavivar a chama, basta mexer nas brasas com um pedaço de pau para que as cinzas sejam batidas e caiam e, assim, a brasa fique mais forte.

Gostou desta matéria? Compartilhe! E garanta os ingredientes para o seu churrasco perfeito no Barbosa! Para mais conteúdo exclusivo, acesse o nosso blog.